NBB

Paulistano assume liderança; Vasco conquista mais uma vitória e Botafogo sai da zona de rebaixamento

Neste sábado (03/02), tivemos 3 jogos válidos pelo 2° turno do Novo Basquete Brasil; um deles, entre Flamengo e Paulistano, foi o mais eletrizante e que valeu a liderança da competição.

Flamengo 71-72 Paulistano

O Flamengo lutava por manter a invencibilidade dentro de casa; já o Paulistano, pela 13° vitória seguida. Mas ambos os times brigavam pela liderança. Com transmissão ao vivo pela Band, o Paulistano consolidou o triunfo, aumentando ainda mais o recorde.

O jogo só foi decidido nos segundos finais. A equipe paulista chegou a abrir 15 pontos de vantagem mas, com uma reação incrível, o Flamengo chegou perto e, por pouco, não saiu com a vitória.

O grande jogador da partida pelo lado do Flamengo foi Marquinhos, que anotou 37 pontos e ajudou seu time na recuperação dos últimos instantes de jogo. Pelo lado do Paulistano, Nesbitt e Fuller combinaram 25 pontos e 11 rebotes.

Pinheiros 72-76 Vasco

Em mais um jogo decidido nos segundos finais, o Vasco ganhou fora de casa e se aproximou ainda mais dos rivais na tabela.

O Pinheiros começou o jogo mal, deixando a equipe cruz-maltina abrir uma proveitosa vantagem. Tentou uma reação no último quarto para sair com a vitória, mas o Vasco se aproveitou de seu elenco experiente e conquistou mais um jogo.

Jogadores da partida: Holloway, com 16 pontos e 9 rebotes e Arthu,r com 16 pontos e 6 rebotes (ambos do Pinheiros), Fúlvio, com 15 pontos e Nezinho, com 10 pontos e 9 assistências (ambos pelo Vasco).

Liga Sorocabana 68-75 Botafogo

No último confronto da noite, o Botafogo garantiu uma vitória importante – a sua primeira em 2018, e se afastou da zona de rebaixamento. Já a Liga Sorocabana perdeu sua 16ª partida seguida – igualando seu recorde de derrotas consecutivas no NBB, ocorrido na temporada 2014/15.

Em um jogo equilibrado, Botafogo foi conquistando sua vantagem aos poucos. Jamaal ajudou seu time nessa conquista contribuindo com 24 pontos e bolas decisivas no momentos cruciais do jogo. Pelo lado sorocabano, o maior pontuador foi Brite, com 15 pontos.

Foto principal: Divulgação/LNB

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *